Edilma Duarte
Edilma Duarte
Crianças não são imunes

No início da pandemia dizia-se que, por algum motivo- e não ficou muito claro qual- as crianças não se contaminavam. O tempo vem desmontando essa teoria. O boletim da Secretaria da Saúde de Foz do Iguaçu traz a informação do número de casos seguida por sexo e idade.  Diariamente há registro de crianças infectadas pelo coronavírus no município.

 

Direção contrária

Pesquisa realizada em 2017 pelo Transnational Institute (TNI), um centro de estudos em democracia e sustentabilidade baseado na Holanda, revela que 884 casos de reestatização ocorreram entre os anos de 2000 e 2017, mundo afora. Foram remunicipalizadas ou renacionalizadas 835 empresas que haviam sido privatizadas.

 

Reestatização

A tendência é mais forte na Europa. Alemanha e França respondem por 500 casos, mas Japão, Argentina, Índia, Canadá e Estados Unidos também passaram pela reversão do processo de privatização. Queda na qualidade e alta no preço dos serviços motivaram a decisão.

 

Reforma administrativa

Queixas sobre a má qualidade do atendimento em órgãos públicos (um dos efeitos colaterais da famosa estabilidade conferida ao concursado ou apadrinhado) são recorrentes.  Portanto, a divulgação de alguns tópicos do texto da reforma administrativa enviada pelo Governo Federal ao Congresso esta semana, agradou em cheio a algumas pessoas.

 

Quem fica de fora  

A proposta do Governo inclui os servidores do Executivo, do Legislativo e do Judiciário da União, dos estados e dos município. E deixa de fora juízes, magistrados, parlamentares e militares. 

Mudanças necessárias 

A reforma administrativa prevê mudanças nas regras para funcionários da administração pública, incluindo a demissão de servidor por desempenho insuficiente. Atualmente os servidores só podem ser desligados por sentença judicial tramitada em julgado e por infração disciplinar. Daí a presença no serviço público de indivíduos abaixo da crítica, capazes de tirar do sério qualquer cidadão equilibrado.

 

Em compensação

Como disse o poeta moderno, “nem tudo vem de graça, nem o pão nem a cachaça”, vai daí que a reforma administrativa também confere novos poderes ao presidente da República, que poderá, por exemplo, extinguir órgãos públicos por decreto.

 

Parlamento rural 

Levantamento do Observatório do Legislativo Brasileiro (OLB) mostra que 60% dos congressistas são proprietários rurais. Mais de 20% das bancadas do DEM e do MDB são compostas por ruralistas. A maior parte dos donos de terras está concentrada no Senado. Somam 26% segundo dados do TSE.

 

Está explicado

O percentual desses parlamentares rurais sobe para 35% se também forem incluídos dados do Incra. Para o bem ou para o mal, esses números, segundo o estudo, garantem uma grande representação em comissões permanentes voltadas para temas relativos à agropecuária e ao meio ambiente. Além do DEM e do MDB, os proprietários rurais estão no PSD, PP e PL

 

Frase:

“Qual a dúvida em privatizar os Correios? Ninguém escreve mais cartas”. Do ministro da Economia, Paulo Guedes em defesa da inclusão da estatal no Programa de Aceleração de Privatizações (PAP).

 

 

Haja eleitor

Levantamento feito pelo portal H2Foz, e publicado no último final de semana, revela que Foz do Iguaçu, município cuja população é de pouco mais de 258 mil habitantes, e em que apenas 183.306 pessoas estão aptas a votar, tem 461 pré-candidatos a uma vaga na Câmara dos Vereadores. Detalhe: a Câmara Municipal é composta por 15 vereadores. Mais da metade dos ocupantes das cadeiras vai tentar se reeleger.

 

Covidiotas

A BBC News usou esse termo cunhado por passageiros de um complicado voo que partiu de Zaquintos, uma ilha grega, e terminou com 16 infectados e quase 200 pessoas em isolamento.

 

Covidiotas II

Antes de apropriar-me do termo para falar da nossa realidade, importante explicar que toda a situação, no caso do voo dos gregos, se deu a partir do comportamento de passageiros que certamente acham uma bobagem a obrigatoriedade do uso de máscara, a recomendação de não circular pelos corredores da aeronave e de manter distância nas filas de embarque.

Nossos Covidiotas

Por aqui, dois dias de números baixos, trazidos pelos boletins diários com base em dados da Vigilância Epidemiológica de Foz do Iguaçu, tem sido, sistematicamente, seguidos de um índice alto de casos confirmados da Covid-19.   Mas observe: basta uma volta pela cidade, nos redutos de bares, em fim de tarde, para se constata que para muitos, a vida voltou ao normal.  Aglomeração e ausência de máscaras é o que se vê por ai. 

 

Sem livemício

Morreu na praia a ideia de transmissão ao vivo pela internet (live) feita por candidatos, com shows de artistas. Na última sexta-feira o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) eliminou, de uma vez por todas, em decisão unânime, essa possibilidade. Estão proibidas as livemícios. O relator da consulta, ministro Luís Felipe Salomão entendeu que as lives, que ele batizou de “livemícios”, com candidatos, e apresentação de artistas, nada mais são que os antigos showmícios, hoje proibidos pela legislação eleitoral.

 

Live continua valendo  

Felizmente para os pré-candidatos o TSE proibiu os shows mas permite que apareçam em lives. Também estão liberadas as aparições na mídia e em entrevistas. Só não podem pedir votos antes de 27 de setembro, data em que se inicia o período de campanha.

Contra a vacina

Certamente, se você não viveu de perto, pelo menos ouviu falar de um movimento de pais modernos contra as vacinas que, no Brasil, são até obrigatórias. Não temos comprovação científica, mas não é improvável que várias doenças, como o Sarampo, que há muito estavam sob controle, tenham reaparecido por conta desse processo de desconstrução que anda ocorrendo em todos os setores. 

 

Campanha 

O que nos causa muito espanto no momento atual é uma campanha estapafúrdia que vem ganhando corpo nas redes sociais.  Contra a vacina da Covid-19!   Por WhatsApp vem sendo compartilhado um texto que conclama a população a não se vacinar – e olha que nem temos, ainda, no planeta, uma vacina aprovada. O foco principal neste caso é a vacina chinesa.

 

Preservação da vida

Setembro chega anunciando a Primavera, que não tarda a chegar, mas vem nos lembrar também a importância de se falar em preservação de vidas.  No Brasil, em média, a cada 45 minutos uma pessoa morre por suicídio. Em Foz o Centro de Valorização da Vida (CVV), conta com um grupo de voluntários que estuda o tema e atende a pessoas com pensamentos suicidas por meio do número 188.

 

Auxílio emergencial

A Caixa Econômica Federal paga nesta sexta-feira (28) a quinta parcela do Auxilio Emergencial para aqueles que não recebem o Bolsa Família. O que chama a atenção, no caso dos pagamentos do auxílio, são as filas, quilométricas, que chegam a dar a volta em quadras, nas proximidades das agências da CEF.

 

Pagamento de promessa

Mal raiou o dia, já tem gente a postos.  A informação é de que nas filas encontram-se também pessoas agendadas para outros serviços. Vamos apurar e voltaremos ao assunto. É certo que esse benefício veio salvar milhões de brasileiros, mas do jeito que está, nos parece um castigo ou pagamento de promessa, já que as pessoas passam muitas horas de pé e, até mesmo, sem comer.  

 

Sete de Setembro

Com o feriado da Independência caindo na segunda-feira, a expectativa é de que Foz do Iguaçu receba visitantes da região, e de outros estados, a partir da sexta-feira. Com isto, os atrativos turísticos que vêm funcionando de terça a domingo deverão abrir, excepcionalmente, na segunda de feriado.

 

De olho na corrupção

Está em pauta na Câmara dos deputados a discussão de um projeto de lei que visa dobrar as penas de crimes contra administração pública que costumam ocorrer, principalmente, em períodos de calamidade como esta que vivemos atualmente. De autoria da deputada Adriana Ventura (Novo-SP) o projeto mira irregularidades nas compras de bens e serviços, emergenciais, que justificam a falta de licitação.

 

Entra para a história

Jair Bolsonaro será lembrado na história de Foz do Iguaçu como o presidente em cujo mandato ocorreu a construção da segunda ponte ligando o Brasil ao Paraguai, e em que teve início a duplicação da Rodovia das Cataratas. Mas será lembrado também como aquele que se recusou a usar máscara- obrigatória para todas as pessoas, no mundo- durante a pandemia da Covid-19, e que protagonizou no município paranaense a cena registrada por onde passa, de aglomeração e contato direto com as pessoas.

 

Manifestação

Nem só de agrados e demonstrações de idolatria viveu o presidente Bolsonaro a sua passagem por Foz do Iguaçu. A Praça da Paz, aonde tudo acontece-shows, espetáculos, carnaval, feira de comidas e artesanatos e manifestações-,    amanheceu diferente nesta quinta-feira. Várias cruzes fincadas no gramado lembravam os 115 mil mortos por Covid-19 em todo o país. Faixas replicavam a frase que viralizou: “Por que Michelle recebeu R$ 89 mil do Queiroz?". 

 

Biticoin requer atenção

Há cerca de dois meses comentamos aqui a angústia de uma empresária de Foz do Iguaçu que investiu uma boa quantia de seu suado dinheirinho em criptomoeda. Ela ainda tentava uma forma de recuperá-lo. As fraudes continuam ocorrendo e cresce o número de vítimas na cidade.  

 

Risco de fraude  

O mercado de criptomoedas não é regulado o suficiente para proteger as pessoas contra golpes. As propagandas que prometem um lucro estupendo, a superar qualquer tipo de investimento, atraem como o mel à mosca e, no caso dessa moeda digital, sobram especuladores e falta informação ao investidor inexperiente. Os especialistas do mercado financeiro dão duas dicas preciosas: 1-não entre em pirâmides.  2- busque uma plataforma de negociação ou câmbio segura.

 

Água mais cara 

A Sanepar pediu, a Agência Reguladora de Serviços Públicos do Paraná até aprovou o aumento de 9,62% na tarifa de água e esgoto, anunciada na última terça-feira, mas o governo do Estado pediu a suspensão depois da repercussão negativa na base do governo na Assembleia Legislativa. Os deputados, muito sensatamente, alegaram que, em meio à pandemia da Covid-19, não é de bom tom um aumento de tarifa.

 

Livemícios

Livemícios
A pandemia a Covid-19 pode trazer, se autorizada, a novidade que o Ministério Público Eleitoral (MPF) já está tentando impedir: comício virtual para divulgação das candidaturaseleições municipais deste ano. 

Vantagens
Custo baixo e a capacidade de atingir um grande número de pessoas ao mesmo tempo, sem risco de aglomeração, são algumas das vantagens apontadas por consultores de campanhas (termo que substitui o “marqueteiro, que caiu em desuso) em defesa das livemícios. 

Os melhores 
Vários estabelecimentos do turismo de Foz do Iguaçu foram contemplados este ano com o TravellersChoice 2020- Best of the Best. O certificado é entregue aos melhores pelo Tripadvisor. O famoso site de viagens reúne milhões de avaliações, opiniões, classificações e itens salvos por internautas do mundo inteiro para selecionar e premiar os melhores. O fato que deve ser comemorado por todo os envolvidos foi saudado também pelo Sindhotéis.

Fundo partidário 
Até a quarta-feira passada (19) apenas um terço, ou seja, 11 dos 33 partidos políticos registrados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) estavam aptos a receber recursos do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), também conhecido como Fundo Eleitoral, para as Eleições 2020.No dia 27 de setembro iniciam as campanhas eleitorais. 

Andreolla quer entrar no páreo 
Se a candidatura vai vingar, é cedo pra dizer, mas o empresário Vilmar Andreolla quer ser um nome na corrida pela sucessão no paço municipal. Ele se colocou à disposição de seu partido, o Democratas e, é possível que venha a integrar a lista de pré-candidatos.

Há interesse 
Recentemente Andreolla, que cumpriu três mandatos de vereador na cidade, comentou com a coluna que havia a possibilidade de ele vir a ser o candidato a vice, na chapa do atual prefeito, Chico Brasileiro. “Se a proposta inicial não for concretizada, o partido (Democratas) deve lançar candidatura própria”, disse o empresário em entrevista ao GDia nesta segunda-feira. 

Sem Farmácia Popular  
O programa que atende a cerca de 20 milhões de pessoas em todo o Brasil, oferecendo medicamentos de graça ou com descontos significativos, está em risco. A equipe econômica do Governo Federal incluiu esse benefício na lista dos programas a serem extintos. A verba aplicada no Farmácia Popular iria abastecer o novo projeto, Renda Brasil ( novo nome do Bolsa Família).

Vacina italiana 
A Itália também começou a testar em humanos, nesta segunda-feira (24), uma vacina contra a covid-19. Com isto, vai juntar-se a um esforço global em busca de uma reação ao vírus, que deu sinais de estar ressurgindo na Europa.  O Instituto Lazzaro Spallanzani, hospital de Roma especializado em doenças infecciosas, realizará testes com 90 voluntários nas próximas semanas. Todos rezando para que a vacina seja aprovada. 

Nova onda
A Itália registrou mais de 35 mil mortes e aparece como um dos países europeus mais atingidos pela pandemia de Covid-19. Parecia ir bem, entretanto, no último fim de semana, a população foi surpreendida com o anúncio de mais de mil casos. Outros países da Europa também se veem às voltas com aumentos de casos depois do relaxamento das restrições severas e das medidas de distanciamento social impostas no começo do ano.

Livemícios

A pandemia a Covid-19 pode trazer, se autorizada, a novidade que o Ministério Público Eleitoral (MPF) já está tentando impedir: comício virtual para divulgação das candidaturas eleições municipais deste ano.

 

Vantagens

Custo baixo e a capacidade de atingir um grande número de pessoas ao mesmo tempo, sem risco de aglomeração, são algumas das vantagens apontadas por consultores de campanhas (termo que substitui o “marqueteiro, que caiu em desuso) em defesa das livemícios.

 

Os melhores

Vários estabelecimentos do turismo de Foz do Iguaçu foram contemplados este ano com o Travellers Choice 2020- Best of the Best. O certificado é entregue aos melhores pelo Tripadvisor. O famoso site de viagens reúne milhões de avaliações, opiniões, classificações e itens salvos por internautas do mundo inteiro para selecionar e premiar os melhores. O fato que deve ser comemorado por todo os envolvidos foi saudado também pelo Sindhotéis.

 

Fundo partidário        

Até a quarta-feira passada (19) apenas um terço, ou seja, 11 dos 33 partidos políticos registrados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) estavam aptos a receber recursos do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), também conhecido como Fundo Eleitoral, para as Eleições 2020.  No dia 27 de setembro iniciam as campanhas eleitorais.

 

Andreolla quer entrar no páreo

Se a candidatura vai vingar, é cedo pra dizer, mas o empresário Vilmar Andreolla quer ser um nome na corrida pela sucessão no paço municipal. Ele se colocou à disposição de seu partido, o Democratas e, é possível que venha a integrar a lista de pré-candidatos.

 

Há interesse

Recentemente Andreolla, que cumpriu três mandatos de vereador na cidade, comentou com a coluna que havia a possibilidade de ele vir a ser o candidato a vice, na chapa do atual prefeito, Chico Brasileiro. “Se a proposta inicial não for concretizada, o partido (Democratas) deve lançar candidatura própria”, disse o empresário em entrevista ao GDia nesta segunda-feira.

 

Sem Farmácia Popular 

O programa que atende a cerca de 20 milhões de pessoas em todo o Brasil, oferecendo medicamentos de graça ou com descontos significativos, está em risco. A equipe econômica do Governo Federal incluiu esse benefício na lista dos programas a serem extintos. A verba aplicada no Farmácia Popular iria abastecer o novo projeto, Renda Brasil ( novo nome do Bolsa Família).

 

Vacina italiana

A Itália também começou a testar em humanos, nesta segunda-feira (24), uma vacina contra a covid-19. Com isto, vai juntar-se a um esforço global em busca de uma reação ao vírus, que deu sinais de estar ressurgindo na Europa.https://agenciabrasil.ebc.com.br/ebc.png?id=1314689&o=nodehttps://agenciabrasil.ebc.com.br/ebc.gif?id=1314689&o=nodeO Instituto Lazzaro Spallanzani, hospital de Roma especializado em doenças infecciosas, realizará testes com 90 voluntários nas próximas semanas. Todos rezando para que a vacina seja aprovada.

 

Nova onda

A Itália registrou mais de 35 mil mortes e aparece como um dos países europeus mais atingidos pela pandemia de Covid-19. Parecia ir bem, entretanto, no último fim de semana, a população foi surpreendida com o anúncio de mais de mil casos. Outros países da Europa também se veem às voltas com aumentos de casos depois do relaxamento das restrições severas e das medidas de distanciamento social impostas no começo do ano.

Historiador: profissão regulamentada 

O dia 19 de agosto é dedicado ao Historiador, o profissional que estuda o passado da humanidade, de civilizações e lugares. A data foi instituída em 2012, por meio de um projeto de lei (PL 12.1302009, em homenagem ao diplomata e escritor e Joaquim Nabuco, nascido em 19 de agosto de 1849. Neste 2020, finalmente, depois de anos de luta, os profissionais da área têm o que comemorar. O Presidente Jair Bolsonaro promulgou nesta terça-feira (18) a Lei Nº 14.038, de 17 de agosto de 2020, que regulamenta a profissão de Historiador.

 

Socorro aos vulneráveis 

Louvável a agilidade na aprovação, pelos vereadores de Foz, de verbas emergenciais para acolhimento de pessoas em situação de vulnerabilidade. Votado em regime de urgência, nesta quarta-feira (19), o projeto de lei 94/2020 do Executivo que propõe a abertura de crédito adicional especial para transferência de recursos emergenciais para entidades de assistência social, será de grande valia. Tem gente demais em situação de rua, tem gente demais passando necessidade.

 

Deselegante

Você participaria de uma videoconferência se recebesse as 12h30 um convite para um evento que ocorreria às 13 horas? Nem sei se podemos chamar de deselegância. Creio que o fato está mais para falta de consideração, mesmo.

 

Vai chover vacina

Felizmente, para toda a humanidade, vários países estão empenhados em desenvolver e produzir uma vacina 100% eficaz contra a Covid-19. Atualmente nove países que desenvolvem a vacina para o coronavírus já testam em humanos, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

 

Três na reta final 

Só o Reino Unido, China e Estados Unidos estão na terceira e última etapa. Esta semana a Anvisa liberou para testes a terceira fase da vacina desenvolvida pela Johnson & Johnson. Na terça-feira (18) a OMS disse que a imunidade de rebanho “não é uma solução” e pediu o fim do que chamou de “nacionalismo da vacina.

 

Que venha rápido

Estou certa de que assim como nós, você que nos lê não está preocupado, ou preocupada, com a origem, ou melhor dizendo, o protagonismo no caso da vacina. O importante é que seja testada, aprovada, liberada para produção em massa e comercializada o mais rápido possível.

 

Guerra das vacinas

Infelizmente os interesses econômicos falam mais alto até em casos de vida e morte. De acordo com o professor de relações internacionais na Universidade de Brasília (UnB), Roberto Menezes, em entrevista na Rádio Senado, a disputa entre EUA e China pela vacina da Covid-19 atende a outros interesses, para além da saúde. Segundo ele, os Estados Unidos querem usar as leis de patentes para comercializar a vacina. Já a China declarou que transformará a tecnologia para a produção da vacina em bem público universal

 

 

 

Vão privatizar a Telecom

A sua internet é da Copel? Se você respondeu positivamente esta notícia interessa. O governo do Estado está vendendo a Copel Telecom, a operadora por trás da internet da sua casa ou empresa.  A Telecom dá lucro, tem desempenho superior ao de seus concorrentes de empresas privadas, e está em todos os municípios do estado.

 

Exemplo de privatização

Muitos de nós vivemos a era da telefonia estatal. Hoje, com as dificuldades encontradas para resolver questões relativas aos serviços pelos quais pagamos, podemos concluir que éramos felizes e não sabíamos. Contamos com quatro operadoras de telefonia fixa e móvel no Brasil, e é raro um cliente plenamente satisfeito.

 

Chineses versus Agroindústria do Brasil  

Depois de os chineses anunciarem que foram encontrados traços de Covid-19 em frango importado do Brasil, a relação comercial entre eles e as nossas agroindústrias ficou delicada. Agora eles querem que o Brasil suspenda voluntariamente o embarque de empresas em que trabalhadores tenham sido testados positivo para Covid-19.  E o Brasil deve acatar. Isto porque, de acordo com a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), empresas que atenderam à sugestão da China, inclusive uma do Brasil, estão conseguindo retomar as exportações para aquele país rapidamente.

 

Belmond reabre com novidades

O emblemático Belmond Hotel, aquele de portas, janelas e sacadas de frente para as Cataratas, no Parque Nacional do Iguaçu, voltar a abrir suas portas nesta quinta-feira (20).  Fechado em razão da pandemia, o hotel reabre com uma série de novidades que tornarão ainda mais atrativa a permanência do hóspede.

 

Lá vem o frio

Nosso inverno foi um fiasco, e até agradecemos por isso, já que os cientistas afirmam que aquele vírus mal encarado se prolifera rapidamente em ambientes com temperatura mais baixa. Agora, meados de agosto, nos vem o anúncio de frio intenso com possibilidade de neve em algumas regiões. Calorão nos EUA, neve no Brasil.... esse 2020 é de fato como uma montanha russa, ou carrossel de surpresas.     

 

Eles estão voltando  

Aberto para visitação desde o dia quatro deste mês agosto o Parque Nacional registra um dado surpreendente, levando-se em conta o momento e as restrições impostas pela pandemia. Ao contrário do que se previa, o fluxo não se limitou ao turismo regional. Do dia quatro até esta terça-feira (18), o Parque Nacional do Iguaçu recebeu 4.072 visitantes, ávidos por ver ou rever as exuberantes Cataratas do Iguaçu.  O número soa inexpressivo, numa comparação com o mesmo período, em 2019. Mas é, ao mesmo tempo, significativo.

 

De onde vieram

Dessa 4.072 pessoas que estiveram no Parque nos últimos 14 dias, 4.047 são brasileiros vindos de várias regiões do Sul, São Paulo e Rio de Janeiro. Da Argentina vieram oito pessoas. Do Paraguai e Peru quatro, Estados Unidos e Rússia, dois, Japão Grécia e Itália, uma pessoa. Em 2019, nesse mesmo período, 57.557 visitantes estiveram no Parque Nacional do Iguaçu, sendo os principais emissores Brasil, com 35.179 e Argentina (20.425), seguidos de França (3.094), Itália com 2.346 e Espanha: 2.052.  Os números apontam uma redução de 94% em relação ao ano passado.

 

Fiscalização por favor

Pessoas que não contam com um computador em casa acabam recorrendo às   lanhouses. A grande questão, no momento atual, é que alguns desses lugares não adotaram medidas de segurança. Além de funcionar em espaços fechados, sem controle de fluxo de pessoas, não há higienização das máquinas e não disponibilizam álcool em gel. Outra agravante, nesse caso, é a alta rotatividade.

 

De quem é a culpa 

Não há espaço nem condição neste momento de se buscar um culpado pela pandemia que assola o planeta. Mas em meio a toda a situação culpamos primeiro a China, que teria criado o vírus –teoria conspiratória-, e em seguida     prefeitos e governadores, seja qual for a medida adotada por esses administradores. E nós, cidadãos, saímos ilesos, dedo em riste, apontando culpados, desfilando nossa irresponsabilidade por ai. 

 

Via de mão dupla 

Falando em China, soa no mínimo curioso o anúncio pelo governo daquele país de que uma carga de asas de frango importada do Brasil chegou a Shenzhen, apresentando traços de coronavírus. De acordo com a agencia alemã Deutsche Welle, a carga foi confiscada e funcionários da alfândega que entraram em contato com o alimento foram testados. Os exames deram negativos.

 

Ai mora o perigo

Ruas cheias de gente, supermercados lotados, bares e restaurantes saudando o retorno da clientela, e os números de infectados em Foz do Iguaçu, nos últimos dias, oscilando.  Um dia de número baixo –festejado por todos nós-, é sucedido por outro razoavelmente alto. Não voltamos nem ao “novo” normal. O mundo inteiro ainda luta contra os avanços dessa praga.

 

Ironia

A pauta antes era a proposta de privatizações do Governo Federal. Agora, no centro das discussões, está o fato até esta primeira quinzena de agosto a proposta não ter saído do papel, o que levou o empresário Salim Mattar que comandava a Secretaria Especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados, do ministério da Economia (nomezinho pomposo o dessa pasta), a abandonar o navio.

 

Saia justa

Se o Congresso não aprova, nenhum projeto avança. Sem o toma lá, ninguém dá cá. Ou presidente Jair Bolsonaro se acerta com o Congresso - e isto já vem ocorrendo, a partir de suas tratativas, com o Centrão, ou simplesmente não conseguirá governar. Ele certamente não pensou nessas pedras no caminho que pavimentou para chegar ao poder. Se pensou, deixou para O futuro a “solucionática dessa problemática”, como dizia o artilheiro Dadá Maravilha.

 

Responsabilidade

Entre altos e baixos, cansadas de ficar em casa, de não encontrar os amigos, de não tomar um chope, comer um churrasco, as pessoas vão retomando a vida, apesar da máscara de proteção –obrigatória-, a nos lembrar que ainda não acabou. E anda faltando bom senso, responsabilidade. É preciso que se pense no indivíduo e também na coletividade.  

 

Controle e consciência

Países como a Alemanha, Austrália e Coreia do Sul, que foram inicialmente bem sucedidos na contenção do coronavírus, voltam a registrar casos crescentes de Covid-19. Sinal de que o processo de reabertura não controlado, pode trazer de volta a tormenta. Hora de redobrar os cuidados por aqui. Estamos indo bem, em relação a outros municípios do Paraná e do país.

 

Cautela

Como você certamente já viu, leu ou ouviu no noticiário, a Ponte da Amizade continuará fechada e não há data prevista para a reabertura.  A decisão partiu do governo paraguaio e foi comunicada pelo próprio ministro da Saúde, Julio Mazzoleni. “Tudo depende de como a pandemia do Covid-19 ocorre no Brasil”, disse o ministro que contou com o aval de especialistas nessa decisão.

 

Opinião do médico 

O médico pneumologista do Hospital Regional de Ciudad del Este Carlos Pallarolas, que também integra a equipe de trabalho da Décima Região de Saúde para conter o avanço da Covid-19 em Ciudad del Este, avalia a situação atual do lado de cá e concorda com a decisão oficial de manter a fronteira fechada.

 

De olho no Brasil

O pneumologista paraguaio cita a taxa de transmissão comunitária em Foz e nas cidades vizinhas, muito maior do que a de seu país. Para ele, o mais sensato é esperar a curva começar a diminuir no Brasil para dar início aos treinamentos para a abertura da ponte o que, segundo ele, levaria de dois a três meses. Partindo dessa informação conclui-se que, até o fim do ano –que já sobe a ladeira-, tudo seguirá igual. 

 

Jovens e promissores   

Ainda repercutindo a fatalidade que levou o presidente do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) municipal, Eduardo Teixeira, é impossível não refletir sobre estes tempos estranhos e nas peças que vêm nos pregando. Justo quando se percebe necessário abrir caminho ao novo, a ideias novas, e jovens brilhantes como Eduardo Teixeira se destacam, trazendo frescor e ares de renovação para a política local, o destino decide o contrário.

 

Jovens promissores 

Há cerca de dois meses uma tragédia interrompia a trajetória de Phelipe Mansur, um jovem de 37 anos que assim como Eduardo Teixeira, era importante liderança política em Foz do Iguaçu. Mansur havia lançado em dezembro de 2019 sua pré-candidatura à prefeito de Foz em 2020, pelo se partido, o Republicanos.

 

Novo velho imposto

Qual seria a razão de tanta insistência do ministro Paulo Guedes na aprovação do novo imposto, primo carnal do CPMF, no Congresso Nacional? Resposta simples: se prosperar, esta virá a ser uma das maiores fontes de receita do governo. A arrecadação do novo tributo poderá chegar a R$ 120 bilhões, mais do que o IPI, o Imposto de Importação ou do IOF. Mas as negociações estão em andamento e parece que a pauta não conta

 

Ovo semicaipira

Se você comprou, e até comemorou o fato de sua cartela ter vindo premiada com duas gemas em absolutamente todos os ovos, saiba que não se trata de sorte, mas sim, de algum “experimento científico” que a coluna ainda não entende mas promete pesquisar.  Os tais ovos são completamente limpos –o que seria impossível em um caipira de fato-, e as gemas –duplas-, são de um amarelo desbotado. 

 

Teste de popularidade

Jornalista e empresário da Comunicação, com trânsito livre em Brasília, Paulo César Oliveira publicou nota em seu blog em que entrega estratégia do Partido dos Trabalhadores (PT) nas eleições municipais. O intuito é resgatar eleitorado e militância, perdidos depois da prisão do ex-presidente Lula.

 

A estratégia 

O PT pretende usar como cabo eleitoral nas maiores capitais brasileiras Lula e o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad.  Segundo Paulo César esta seria uma tentativa de colocar Lula novamente na mídia e testar a sua popularidade. É possível que tenham uma baita surpresa nestes tempos de bolsonarismo.  

 

Vão abrir

A Ponte da Amizade deve ser reaberta nos próximos dias. Vou bancar a advogada do diabo aqui e levantar algumas questões que a maioria prefere não ouvir, dizer ou pensar. Para o comércio de Ciudad del Este, que já amarga prejuízo de bilhões, a abertura da Ponte fará alguma diferença? Outra coisa: uma autoridade paraguaia declarou recentemente que “o inimigo está do outro lado”, ou seja, em Foz do Iguaçu-Brasil. Isto por conta do avanço da Covid-19 em território brasileiro.

 

A real

A situação no Paraguai não está exatamente sob controle, é o que atestam, inclusive, profissionais da saúde daquele país que também desconfiam dos dados oficiais apresentados. Mas nem é esta a questão aqui, agora. O fato é que, Foz do Iguaçu sempre acolheu nossos irmãos paraguaios que atravessam a ponte em busca de atendimento ou tratamento de saúde. O Paraguai tem número reduzido de leitos. Temos estrutura suficiente para recebê-los no momento atual?

 

Importância das tratativas  

Conversamos com a médica infectologista e docente na Unila, Flávia Trench, sobre a questão da saúde, que também nos une ao Paraguai. Admitindo não ter dados suficientes sobre a situação em Ciudad del Este - quanto ao número de infectados, a capacidade instalada para testagem, o atendimento ofertado e número de leitos de UTI disponíveis-, a infectologista entende que há uma série de questões a serem colocadas e respostas importantes a serem obtidas para que se possa avaliar a situação.

 

Foz será demandada 

Flávia Trench diz considerar muito razoável se pensar, como já pensaram em outras épocas, situações e epidemias, que em algum momento Foz será demandada a auxiliar a população de Ciudad del Este nesse enfrentamento. “As tratativas já começaram. Temos que sentar, conversar, trabalhar juntos e ajudar para que essa abertura da ponte seja feita da forma mais segura para todos. E precisamos estar certos de teremos condição de atender”.

 

Os bastidores

Refletindo sobre um eventual atendimento a pacientes do Paraguai, Flávia destaca a abordagem multiprofissional necessária em casos graves da Covid-19. Segundo ela o paciente grave ocupa por três, quatros semanas um leito de UTI e muitas vezes vai para diálise, necessita de fisioterapia, um bom ventilador e precisa ser sedado.  Diante de tantos desafios a médica entende que, para dar conta dos pacientes do Brasil e também, eventualmente, dos vizinhos paraguaios, a conversa se faz muito necessária.

 

Causa indígena é ambiental 

O ministro Ricardo Lewandowski fez uma intervenção durante o voto de Alexandre de Moraes na tarde desta quarta-feira (5), em reunião no plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) em que se discutia a adoção de medidas para conter avanço da Covid-19 entre os povos indígenas.

 

Bateu no bolso...

O ministro, que não estaria “levandowski” nada com isto, falou da necessidade de o STF determinar um prazo de 60 dias para que o governo federal preste informações relativas à situação dos indígenas, no que diz respeito a ocupação irregular de terras, e um prazo de 120 dias, para que a União apresente um cronograma para a saída de todos aqueles que se encontram ilegitimamente naquelas terras.

 

... todo mundo acorda

De repente, como por milagre, as pessoas começam a se dar conta de que a situação dos povos indígenas está umbilicalmente ligada à questão ambiental. Jamais esperei ouvir o ministro dizer a seguinte frase: “O Brasil está sofrendo gravíssimos prejuízos, inclusive econômicos, na medida em que nós estamos permitindo a devastação da última reserva florestal da humanidade, que está promovendo, de forma acelerada, o aquecimento global.". Então caríssimos pré-candidatos às eleições municipais, lei, vamos mesmo continuar ignorando a pauta ambiental que anda de mãozinhas dadas com a economia?

 

Kattamaram II na telinha da Record

O jornalista Mauro Picini, que canta em prosa e versos o seu amor imensurável por Foz do Iguaçu, andou pela cidade na semana passada e, o resultado, foi um programa recheado de dicas e informações preciosas, tanto para quem vive por aqui, como para aqueles sediados em outras regiões do estado, de Guaíra a Guarapuava, ou seja, 60 municípios onde ele conta com excelente audiência. O programa, Ligado em Você, vai ao ar neste sábado (8/8), às 13 horas, pela RIC-Recordtv.