Bicicletário


- Por: Redação 1

Bicicletário

A Assembleia Legislativa inaugura nesta quarta-feira, 22, às 9h, seu bicicletário no dia mundial sem carro. "Venha de bike", sugere o convite. 

Lei do Mandante
O presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei que dá ao time dono da casa o direito à negociação da transmissão das partidas de futebol, mesmo com a emenda que garante que os contratos firmados antes da lei sejam cumpridos. Isso é uma vitória para os times paranaenses, como o Athletico Paranaense e o Coritiba que não têm contratos firmados e poderão aumentar sua receita com a nova lei. Vale lembrar que o Atletiba transmitido pelos próprios clubes em plataformas de streaming foi o ponto de virada nessa discussão.

Fraldas gratuitas
A deputada Luciana Rafagnin (PT) e os deputados Professor Lemos (PT), Michele Caputo (PSDB) e Soldado Fruet (Pros) apresentaram projeto de lei que prevê a distribuição de fraldas descartáveis para crianças, idosos e pessoas com deficiência gratuitamente pelo SUS em um programa voltado para promoção da saúde entre a população mais vulnerável. 

Francischini ao Senado
Depois da campanha à prefeitura de Curitiba, o deputado Fernando Francischini (PSL) já está articulando a indicação para a disputa do Senado em 2022. A seu favor tem as maiores bancadas estaduais tanto na Assembleia quanto na Câmara, que vai  engordar após a fusão com o DEM. Francischini que teve 427.749 votos, o que contribui na eleição dos deputados Coronel Lee, Delegado Fernando, Luiz Fernando Guerra, Missionário Ricardo Arruda, Do Carmo e Emerson Bacil.

Amanhã
O secretário Beto Preto (Saúde) vai se reunir hoje com secretários municipais de saúde para decidir sobre o início da vacinação de adolescentes no Paraná. A expectativa é que até lá, o governo federal volte atrás na decisão de tirar os adolescentes do Plano Nacional de Imunização para não aumentar o clima de conflitos e retaliações entre estados, municípios e a União nessa questão de compra e distribuição das vacinas. 

Nem vi
Luiza Trajano, da Magazine Luíza, é a única brasileira na lista dos 100 mais influentes do mundo. Muitos creditam a posição e um aparente interesse político ao fato de o texto da revista Time apresentando a empresária ter sido assinado pelo ex-presidente Lula (PT). Porém, a empresária garante que não conversou com Lula nem com nenhum outro político e não ter interesse na carreira político-eleitoral. 

Recuada de quem?
As redes sociais dos que não acreditam na recuada do presidente Jair Bolsonaro dizem que o ministro do STF, Alexandre de Moraes, foi quem acenou com a bandeira branca no clima tenso entre os dois. Mas não é isso que o ex-presidente Michel Temer (MDB), que intermediou o telefonema entre os dois, vem falando aos quatro ventos. Temer afirma que na ligação, a conversa foi “amigável” sem que Moraes recuasse "um milímetro das decisões tomadas, ou daquilo que juridicamente ele faz”.

Circula na internet
As redes estão bombando com os afoitos que estão na expectativa, já que o presidente Jair Bolsonaro viajou para a assembleia da ONU em Nova York (EUA), para que o vice Hamilton Mourão baixe um decreto proibindo a entrada no país de quem não tiver comprovante de vacinação. Trata-se de uma fake news.

Transporte coletivo
O ministro Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) disse que o governo dispõe de R$ 7 bilhões para mobilidade urbana, e que, nesse setor, é o transporte público o “vetor mais importante”. “Temos mais de R$ 7 bilhões em investimentos, mas em função da pandemia houve dificuldade muito grande de manutenção dos serviços de transporte nas cidades de médio e grande porte, uma vez que diminuiu o fluxo de pessoas, afetando o equilíbrio econômico e financeiro das concessões espalhadas pelo país”, disse. 

Polêmica
O governo federal enviou ao Congresso Nacional projeto de lei que limita a remoção de conteúdos em redes sociais com mais de 10 milhões de usuários. A medida altera o Marco Civil da Internet que trata de direitos autorais, “de forma a explicitar os direitos e as garantias dos usuários de redes sociais e prever regras relacionadas à moderação de conteúdo pelos respectivos provedores”.

Conselho da Juventude
A Câmara de Vereadores aprovou o projeto de lei do prefeito Chico Brasileiro (PSD) que prevê a reestruturação do Conselho Municipal da Juventude. Entre as competências do órgão colegiado estão a apresentação de propostas de políticas públicas e outras iniciativas que assegurem e ampliem os direitos da juventude, além de fiscalizar e exigir o cumprimento da legislação em vigor.

Suspensão
O TCE suspendeu o fornecimento de itens de merenda escolar em Colombo. A cautelar aponta irregularidade de dois produtos licitados, que não corresponderiam às especificações do edital do pregão realizado para a contratação do fornecimento de dois grandes lotes de alimentos, com 103 itens cada.

Expo Dubai
O governador Ratinho Junior lançou a missão Paraná Business Experience, que de 10 a 16 de outubro vai colocar o Estado no centro das atenções de Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. A Expo Dubai vai reunir 190 países em 181 dias e espera receber 25 milhões de visitantes.

Dubai II
A comitiva paranaense é composta por representantes do  Estado, de municípios e de empresas que pretendem expor sua marca e captar novos investimentos. Foz do Iguaçu participa  do evento com o prefeito Chico Brasileiro (PSD), o diretor de Assuntos Internacionais, Jihad, Abu Ali e dois técnicos da Secretaria de Turismo, além da Fundação Parque Tecnológico de Itaipu e de empresários locais. 

Eventos
Além da Expo Dubai, Foz do Iguaçu vai participar de oito eventos no Brasil e exterior entre setembro e outubro, que abrem a alta temporada do turismo nacional e estrangeiro. A lista inclui o 12º Meeting do Rio de Janeiro, 9º Meeting de Porto Alegre, Abav Expo internacional de Turismo,VI Rodada de Negócios da Foco Operadora, 10º Brazil Travel Market,  Aviesp Expo, Feira EBS e Congresso Mice Brasil e a Fiex Latin America.

Contato direto
"São eventos que ocorrem em mercados prioritários e estratégicos para a retomada do turismo de Foz do Iguaçu. Permitem entrar em contato direto com os profissionais de operadoras de turismo, agências de viagens e OTAs (agências de viagens online). Os operadores buscam informações sobre o destino e oferta turística, dando segurança e auxiliando na organização, comercialização e distribuição dos produtos e serviços turísticos", disse Paulo Angeli, secretário de Turismo, Projeto Estratégicos e Inovação.

Zé Beto Maciel
com Gustavo Aquino, Francisco Vitelli e Adilson Borges

 

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas