Mitacoré é o nome do filhote de onça nascido no Parque Nacional do Iguaçu


- Por: Redação 1

Mitacoré é o nome do filhote de onça nascido no Parque Nacional do Iguaçu
Equipe do projeto faz o monitoramento constante no Parque Nacional do Iguaçu

Com 3.782 votos os internautas escolheram o nome do filhote de onça que nasceu há nove meses no Parque Nacional do Iguaçu e foi filmado na semana passada pela equipe do projeto Onça do Iguaçu.

O macho Mitacoré recebeu 66% dos mais de 5.000 internautas que participaram da votação. Essa grande quantidade mostra o despertar de uma consciência ecológica e o amor pelas onças-pintadas do da reserva iguaçuense.

No final do ano passado as armadilhas fotográficas do projeto capturaram imagens da onça-pintada Índia. Ela estava prenha e não foi mais vista. A equipe ficou triste.  “Ficamos bem preocupados, pois registramos uma fêmea prenha e depois ela sumiu. Houve uma preocupação, pois ela poderia ter se deslocado, mas também poderia ter sido morta. Quando vimos o filhote, foi uma alegria imensa", contou Yara Barros, coordenadora do projeto.

“Estamos muito felizes com o sucesso da reprodução. Esperamos que eles possam crescer em segurança”, acrescenta Yara em depoimento no site do projeto.

Na mesma semana, as câmeras flagraram a pintada Cacira, com mais dois filhotes, de aproximadamente sete meses. Seus nomes serão escolhidos futuramente, assim que a equipe identificar o sexo das criaturas.

Ao saber dos resultados, os internautas fizeram muitos comentários. “Desejo ao filhote muitas felicidades na função estabelecida pelo Criador”, escreveu Marilda Martins. “Vida longa e próspera. Mitacoré, nome divino como você”, emendou Miryan Coracini.
“Que a floresta te proteja, seja bem-vindo,  Mitacoré”, escreveu Vera Oliveira. “Que seja abençoado e esteja sobre a proteção divina”, comentou Lucia Abdo. “Hermoso nombre”, frisou Ester Moricone.

Hábito noturno
A onça-pintada é um animal territorial, e utiliza para delimitar sua área fezes, urina e arranhões em árvores. De hábito solitário e noturno, interage com outros indivíduos da espécie apenas no período reprodutivo, sendo que um macho pode acasalar com várias fêmeas.
As fêmeas atingem a maturidade sexual com aproximadamente dois anos, podendo ter sua primeira cria com três anos. Os machos atingem sua maturidade sexual com aproximadamente três anos, e são atraídos pelo odor e vocalização das fêmeas.
O período reprodutivo se estende por todo o ano, quando as onças-pintadas machos e fêmeas interagem por alguns dias, copulando por várias vezes. Neste período, pode ser observado mais de um macho acompanhando a mesma fêmea.
 O tempo de gestação da onça-pintada varia entre 93 e 105 dias, podendo nascer de um a quatro filhotes, sendo mais comum o nascimento de dois filhotes por ninhada. Eles mamam até aproximadamente o sexto mês de vida e acompanham a mãe até um ano e meio de idade.
 
Adelino de Souza
Foto: Onça do Iguaçu

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas