Obras


- Por: Redação 1

Obras

O prefeito Chico Brasileiro anunciou mais quatro grandes obras que serão licitadas ainda neste semestre em Foz do Iguaçu. Entre elas, estão as revitalizações das avenidas Olímpio Rafagnin, General Meira, Costa e Silva e a reforma e ampliação da escola municipal João Costa Viana em Três Lagoas. O volume dos investimentos ultrapassam R$ 24 milhões. 

Pontes
O prefeito ainda informou que o projeto para a rua Jorge Sanwais para ligar o centro ao Jardim Guarapuava já está sob análise no Instituto das Águas em Curitiba. "Tem várias pontes que mandamos (os projetos) para Curitiba e essa é uma delas, que precisa de autorização do instituto para fazer a licitação. Outro ponto, é abrir em breve a Ayrton Senna, que dá acesso à Felipe Wandscheer".

CTG Charrua
Outra grande obra, o projeto do Trevo do CTG Charrua, segundo o prefeito, está sendo feito pelo Fundo Iguaçu. "O fundo vai doar o projeto e vamos levá-lo ao governador Ratinho Junior porque é um compromisso do governador. (em viabilizar a obra)". 

Títulos no mercado
A prefeitura de Curitiba vai propor ao governo federal que os municípios com boa saúde financeira e fiscal possam emitir títulos no mercado, como forma de financiar investimentos para retomada econômica pós-pandemia. O secretário municipal do Planejamento, Finanças e Orçamento, Vitor Puppi, teve uma reunião on-line com o secretário de política econômica do Ministério da Economia, Adolfo Sachsida, para tratar do assunto. 

OP de Curitiba
Já está no site da Câmara Municipal de Curitiba, o formulário eletrônico para a população da cidade participar ativamente da elaboração do orçamento. Até o fim deste ano, os vereadores votarão o projeto da lei orçamentária anual, no qual a prefeitura estima R$ 9 bilhões para 2022. 

Suspensão
O Tribunal de Contas do Estado suspendeu o acordo para que a Transpetro indenize a Appa pelo descumprimento de suas obrigações no contrato por meio do qual arrendou área portuária. O motivo é a subavaliação do valor a ser indenizado (R$ 94,7 milhões), com a consideração apenas das obras não executadas pela Transpetro, sem a inclusão de outros elementos legais e contratuais.

Reconstrução
O Hospital Universitário do Oeste do Paraná realizou, pela primeira vez, uma cirurgia de reconstrução de crânio com um molde 3D. O procedimento foi possível graças a uma parceria da instituição com a startup Segmenta Biomodelos, de Toledo. O hospital é vinculado à Unioeste. A tecnologia utilizada consiste em um molde com baixo custo, que visa atender as demandas do SUS. Não existe na região banco de ossos que possam auxiliar nesse tipo de cirurgia. 

Licença
O governador Ratinho Junior comunicou a Assembleia Legislativa que vai se ausentar do Paraná entre os dias 7 e 17 de outubro para participar da Expo Dubai nos Emirados Árabes. O vice-governador Darci Piana vai assumir o comando do Estado no período.

Expo Dubai
O pavilhão brasileiro na Expo Dubai recebeu 12.795 visitantes nos três primeiros dias da exposição mundial aberta na sexta-feira (1º) nos Emirados Árabes Unidos. A estrutura brasileira fica logo na entrada do distrito da Sustentabilidade e atraiu muitos visitantes em busca de refresco ao calor do deserto, já que tem como principal atração uma lâmina d’água por onde é possível caminhar. O Brasil é um dos 192 países que marcam presença no evento, que será realizado até março de 2022. A estrutura, que tem o formato de um imenso cubo branco, custou US$ 25 milhões para ser construída. 

Micros e pequenas
Hoje é o dia nacional da micro e pequena empresa. Dos 372,2 mil postos de trabalho criados em agosto, os pequenos negócios foram responsáveis por 265,1 mil - sete em cada dez postos de trabalho. Os dados do Sebrae, com base no Caged/Ministério da Economia. A maioria das vagas, 46%, foi aberta pelo setor de serviços, que contratou 119,3 mil trabalhadores, quase o dobro das médias e grandes empresas do setor que, em agosto, abriu 60,8 mil novos postos de trabalho. Na sequência, aparecem o comércio com 69,8 mil; indústria de transformação (40,6 mil); construção (30,7 mil) e agropecuária (2,5 mil). 

Marco legal
Após adiamento, o novo marco legal das ferrovias deve ser votado hoje no Senado. O texto trata de novos instrumentos de outorga para ferrovias em regime privado, tanto em nível federal, quanto estadual e municipal. O projeto prevê que o transporte ferroviário em regime de direito público pode ser executado diretamente por União, estados e municípios; ou indiretamente, por meio de concessão ou permissão. A execução direta do transporte ferroviário pela União somente ocorrerá quando for necessário garantir a segurança e a soberania nacionais ou em casos de relevante interesse coletivo. 

Mudanças
Entre as mudanças na legislação eleitoral previstas já para 2022 está a permissão para dois ou mais partidos políticos se unirem em federações por pelo menos quatro anos. Os votos que serão dados a mulheres e pessoas negras serão contados em dobro para efeito da distribuição dos recursos dos fundos partidário e eleitoral nas eleições de 2022 a 2030. Aa posse do presidente da República será em 5 de janeiro e dos governadores para 6 de janeiro. A fidelidade partidária está mantida, mas os deputados federais, estaduais e distritais e vereadores que saírem do partido pelo qual tenham sido eleitos não perderão o mandato se a legenda concordar com a saída. 


Zé Beto Maciel
com Gustavo Aquino e Francisco Vitelli

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas