Passivo


- Por: Redação 1

Passivo

"Só de rodovia de pista simples que tinha que ter sido duplicada e a tarifa foi cobrada como se fosse rodovia duplicada, só essa conta, mostra que o usuário pagou indevidamente R$ 10 bilhões a mais", afirma o deputado estadual Luiz Claudio Romanelli (PSB) sobre o passivo que será deixado pelas concessionária do pedágio no Paraná. 

No PL
O presidente estadual do PL, deputado Fernando Giacobo, confirmou que o presidente Jair Bolsonaro assina a ficha de filiação do partido na próxima terça-feira, 30. Giacobo foi convidado pelo presidente para ser o candidato do bolsarismo ao Senado pelo Paraná. 

Comissão
Após recomposição das bancadas na Assembleia Legislativa, o MDB tem três deputados e deve indicar a presidência da Comissão de Ciência e Tecnologia, que era comandada pelo PSL. O deputado Nereu Moura, que recém voltou à Casa, deve comandar o colegiado. Uma eleição virtual deve ser feita nos próximos dias para confirmar a escolha.  

Novo Estarfi
O Foztrans vai implantar um novo modelo no estacionamento regulamentado (Estarfi) que será mais ágil e econômico com dispensa do uso de parquímetros. O sistema será operado com aplicativo de celular e apoio de estabelecimentos comerciais das vias onde funciona o serviço. As mudanças devem ocorrer em meados do mês de dezembro, quando vence o atual contrato.

Fundo de estabilização
O presidente da Petrobras, Joaquim Silva e Luna, disse que a criação de um fundo de estabilização dos preços dos combustíveis é uma decisão “de política pública” e que os dividendos pagos pela empresa à União “podem contribuir muito com essa decisão”.  (foto 4)

Fundo II
“A criação de um fundo de estabilização é uma iniciativa do Estado e do nosso Congresso. A forma de como colocar recursos nesse fundo, entendo que a Petrobras contribui através de royalties, dividendos, participações especiais, mas esse é um tema que cabe ao nosso Ministério da Economia ou ao próprio Congresso. Nós entendemos que, em um momento de dificuldade, é uma solução interessante”, afirmou no Senado.

Foz premiada
Foz do Iguaçu recebeu o Prêmio Estadual de Microcrédito Fomento Paraná e Sebrae 2020 como Campeão Geral e 1º lugar na categoria acima de 200 mil habitantes. O prêmio foi entregue durante o Encontro Estadual de Agentes de Crédito, que reúne mais de 250 agentes de crédito que atuam na intermediação de operações de microcrédito em 283 prefeituras, salas do empreendedor e agências do trabalhador. 

Estímulo
“Essa premiação é um estímulo para que prefeituras e agentes de crédito possam oferecer ainda mais crédito para manter empregos, manter negócios e renda nas localidades”, disse o presidente da Fomento Paraná, Heraldo Neves. Ele destacou a atuação de Foz do Iguaçu pelo trabalho extraordinário da cidade atingida pela pandemia. “Eles foram atrás da Fomento, do governador, que abriu uma linha de crédito especial para os informais, os microempresários e MEIs. Foz do Iguaçu se mobilizou, se organizou e em parceria com a Fomento colocamos muitos recursos na cidade. Parabéns pelo primeiro lugar geral.” 

Mulheres Muçulmanas
As vereadoras Yasmin Hachem (MDB), Anice Gazzaoui (PL) e Protetora Carol Dedonatti (PP) promovem hoje  a palestra “Mulheres Muçulmanas”. A atividade integra os "21 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher". “Queremos trazer à tona mais uma vez os desmandos do que vêm acontecendo com as mulheres. Estamos em pleno século 21 e vemos ainda que a violência contra a mulher ainda é um tema constante. Precisamos debater o tema e eliminar esse mal que assola a sociedade. Lembrando que quando uma mulher é agredida, toda sociedade também é”, disse a vereadora Anice. 

Cascavel
Mais uma vez Cascavel é destaque nacional em boas práticas na gestão pública. A cidade ficou entre as três melhores do Brasil no Prêmio Cidades Excelentes, uma iniciativa do Grupo Bandeirantes de Comunicação em parceria com o Instituto Áquila. A premiação é na categoria cidades acima de 100 mil habitantes. Cascavel concorreu com 81 cidades, três de cada estado e três do Distrito Federal. 

Roda gigante
O deputado Vermelho (PSD) destaca a construção em ritmo acelerado da roda gigante no Marco das Três Fronteiras, ao lado da Ponte da Integração. "Essa roda gigante já é considerada a maior da América Latina.
A inauguração está prevista para o dia 15 de dezembro. Com 88 metros de altura e 48 cabines climatizadas com ar-condicionado e capacidade para até oito pessoas por cabine. O novo atrativo vai possibilitar uma visão panorâmica dos três países, Brasil, Paraguai e Argentina", disse.

Até negacionistas
O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) disse que a redução dos índices de contaminação e de mortes por Covid tem relação direta com a aceleração da vacinação no país. “Nosso povo tem a cultura da vacina, aqui até negacionista toma vacina. As vacinas estão salvando a vida de milhares de brasileiros, poderíamos ter salvado mais se o governo federal tivesse comprado as doses no momento adequado”, afirmou. 

Vale cultura
Mais de 25 mil empresas de atividades ligadas à cultura e ao turismo afetadas pela pandemia estão aptas a receber o auxílio emergencial no Paraná, num montante que equivale a R$ 12,9 milhões. A ampliação dos grupos atendidos pelo auxílio, proposto pelo deputado Michele Caputo (PSDB), foi aprovada pela Assembleia Legislativa e sancionada pelo governador Ratinho Júnior (PSD) na lei nº 20.818 de 2021. 

Desemprego
A taxa de desemprego no Brasil, de 13,2%, que atinge 13,7 milhões de trabalhadores e trabalhadoras, segundo o IBGE. É a quarta maior em uma lista que reúne as 44 principais economias do mundo, conforme estudo da agência de classificação de risco Austin Ratingm. Se a pesquisa levasse em consideração a precarização da mão de obra brasileira, o resultado teria sido ainda pior. O País tem hoje 73,2 milhões de trabalhadores sem direitos: 37 milhões informais, 25,4 milhões trabalham por conta própria e  10,8 milhões trabalham sem carteira assinada. 

Leia mais na edição impressa.

Relacionadas